1º Simpósio Estadual do Varejo recebe 400 pessoas em Caxias

O 1º Simpósio Estadual do Varejo, promovido pelo Sindilojas Caxias, foi realizado na terça-feira (23.10), no Hotel Intercity, em Caxias do Sul, e recebeu, aproximadamente, 400 pessoas que acompanharam palestras de profissionais do varejo, da comunicação e da tecnologia e ainda participaram de sessão de autógrafos nos intervalos das palestras.
Gil Giardelli fez a abertura do Simpósio com a palestra “Futuro inteligente além da inovação”. Ele começou dizendo que os desobedientes vão levar as pessoas para um novo lugar, lembrando que as inovações mudam a forma de vender e aprender, portando é essencial desenvolver-se criativamente: “Quando você tem uma inovação, ela traz prosperidade à sociedade. São tempos pós-normais com colaboração e a conectividade. É a economia da inteligência artificial”, afirmou. Gil também apresentou as transformações que as marcas mais fortes do mundo passaram em função da inovação e da tecnologia. “Hoje as lojas oferecem experiências diferentes em todo o mundo porque mais do que vender produto as pessoas querem viver a experiência”, disse. A segunda palestra da manhã com o tema “Os desafios e as oportunidades da economia brasileira”, foi apresentada pela economista-chefe da Assessoria Econômica do Sistema Fecomércio-RS/SESC/SENAC Patrícia Palermo. Segundo ela, como há muita gente nova no Congresso, os novos congressistas tem um lado bom porque são pessoas com interesse em aprender, mas a posição chave é a presidência da república que vai determinar a agenda para barrar ou adiantar projetos: “Não interessa quem vai ser o presidente, ele vai ter uma oposição feroz e a agenda que precisa ser votada não é uma agenda fácil e vai exigir uma ampla votação do Congresso”, pontuou. Segundo ela, o governo deve começar pactuando o que deve ser feito porque na medida em que o governo vai passando a popularidade vai caindo: “A mãe das reformas é a reforma da previdência, que precisa convicção do governo e avaliação qualificada do Congresso com boa convicção, todos os riscos que a gente tem são riscos da política, resolvendo esses riscos a gente vai conseguir melhorar”, chamou a atenção. Ainda pela manhã, Álvaro Fernando traz a dupla “Inovação e Criatividade: o segredo que leva a sua ideia para frente” em palestra show empolgante que envolveu o público ao entregar conteúdo com animação e utilizando a música como ferramenta. Falou sobre a importância de apresentar novas ideias, mas para quem decide: “Valorize o número dois porque é ele que acompanha o dia a dia da empresa. O empresário precisa ter uma pessoa de confiança que decide e acolhe novas ideias”, aconselhou.
A executiva Ângela Hirata cativou a todos ao contar sobre o “Case Havaianas: internacionalização da marca”. Primeira mulher a ocupar um cargo de diretoria da Alpargatas, Angela Hirata abriu a programação da tarde. Ela afirmou que o Brasil é o melhor país para se investir e é preciso estar atento às oportunidades. Dentre os desafios para tornar a sandália objeto de desejo dos consumidores, os investimentos na formação da equipe e também na adequação dos pontos de vendas para a apresentação do produto. Segundo ela, para atrair compradores é preciso utilizar todas as ferramentas disponíveis, inclusive no que se refere à disponibilização dos produtos nos espaços das lojas para que seja percebido o valor e não o preço do acessório. “Assim que o cliente entra na loja, ele direciona o olhar para a direita do ambiente. Aproveite para tornar este lado atraente”, aconselhou. Após a conquista do mercado internacional para a Havaianas, Angela administra a Japan House, centro de cultura nipônica instalado na Avenida Paulista, em São Paulo.
O atleta Nalbert Bitencourt apresentou a palestra “A jornada de um líder”. Atleta de vôlei por 25 anos, apresentador e comentarista da GLOBO/SPORTV e palestrante, ele já esteve em Caxias outras vezes para jogar, mas pela primeira vez foi recebido para falar sobre os desafios como atleta. Capitão da seleção brasileira de vôlei por oito anos, Nalbert é um entusiasta da educação para crescer no esporte, sendo reconhecido como referência de liderança e superação. Diante dos desafios que o esporte colocou na vida dele, disse que a superação é constante para seguir persistindo e acreditar nas conquistas pela dedicação.
O Simpósio também foi uma oportunidade para ouvir o escritor Fabrício Carpinejar que apresentou a palestra o “Jogo do contente: como transformar as dificuldades em vantagens”, uma receita pessoal de superação para evitar transformar os próprios limites em limitações. A palestra dele foi sobre o cotidiano das pessoas que, geralmente, sofrem por antecedência. Carpinejar disse que a aparência é reproduzida a todo momento, mas o envolvimento é evitado. Se as pessoas passam a vida inteira defendendo os defeitos é complicado descobrir as qualidades e por isso o ponto fraco do ser humano é o ponto mais precioso.
A Palestra Magna com a jornalista Glória Maria surpreendeu a todos “Como se reinventar: comunicação e globalização” em uma apresentação que uniu as experiências dela nas viagens para fazer as reportagens para a Rede Globo com dicas para os empresários que assistiam atentos os ensinamentos aprendidos nos mais recônditos lugares. Glória falou sobre como reinventar-se em tempos de comunicação e globalização: "Quanto mais recursos digitais, menos você se comunica. Cada vez menos, conhecemos o outro", disse. Segundo ela, as pessoas não se olham, mas ela se comunica justamente pelo olhar, o que ajuda muito porque viaja para o mundo todo e não sabe a língua de todos os países que visita. Falou diretamente aos empresários do comércio presentes no evento e recomendou: "Os lojistas têm que imaginar, adivinhar, se antecipar à vontade do consumidor porque não dá mais para esperar o cliente entrar na loja, no shopping: é preciso ir até ele, superando o desafio de entender o que as pessoas querem, indo mais longe ao que a gente se propõe", disse Glória Maria. Para poder viver um pouco melhor nesse mundo globalizado, segundo ela, é preciso não ter medo de ousar: "A vida não é só isso que se vê. Tem que acreditar e ir em frente. Não tenha medo de globalização. Ouse, pois só temos uma vida e ninguém vai viver por nós!," finalizou.
O vice-presidente de Mercado do Grupo RBS, Marcelo Pacheco, apresentou a palestra "Vender, vender e vender. Os cases de sucesso de mídia integrada”. Iniciou falando que é preciso antecipar tendências e conhecer o público que está ao redor. Afinal, há marcas que o gaúcho se reconhece se vê representado por elas. “Na segunda, depois do resultado das eleições a gente vai ter um boom de pessoas consumindo coisas”, previu. Marcelo apresentou cases de empresas gaúchas que confiaram à equipe deles a tarefa de fortalecer a marca e tiveram resultado tanto em projeção quanto em faturamento por meio da comunicação 360 graus.
No encerramento do evento, foi assinada parceria exclusiva com a RBS, a partir de 1º de novembro, para que todos os associados do Sindilojas Caxias tenham acesso à plataforma de conteúdo digital do grupo RBS, através das mídias digitais da Gaúcha, ZH e pioneiro.com e ainda usufruindo dos benefícios do Clube do Assinante. O 2º Simpósio Estadual do Varejo será no dia 23 de outubro de 2019.

O 1º Simpósio Estadual do Varejo foi uma realização do Sindilojas Caxias e conta com o apoio institucional da Fecomércio-RS/SESC/SENAC, patrocínio ouro do SICOOB Meridional, patrocínio prata da CDL POA, ELRI.net, Havan, Supermercados Andreazza, Patrocínio das palestras do Banco do Brasil, Mídia Partner do Grupo RBS e Copatrocínio das Lojas Colombo. Os apoiadores são ARI Serra Gaúcha, Erva-mate Jacutinga, Orquídea, TCS Sistemas, Intercity Hotéis, Sala Viva, CIC Caxias, Milletour, Cryare Eventos, Eco Style, Vinícola Don Affonso, Guia de Caxias do Sul, Interface Comunicação e Eventos.