Notícias

A conexão entre varejo e metaverso é apresentada por Pedro Bocchese

18 de Outubro, 2022 - Notícias Gerais

Experiências virtuais que ajudam a vender mais foram trazidas pelo professor de Pós-graduação da Exame Academy e IBMEC do 1º MBA em Metaverso do Brasil

Na 4ª edição do Simpósio Estadual do Varejo, promovida pelo Sindilojas Caxias, o palestrante Pedro Bocchese contribuiu para trazer novas perspectivas e abrir as portas para a tecnologia e a inovação, em 2022. Na palestra “Metaverso e o Varejo: como implementar e acelerar nossos negócios”, Pedro Bocchese trouxe como sugestões aplicações para o Varejo como Avatares de atendimento diversos, Inteligência Artificial para predição, Reconhecimento de objetos, Hiper automação – RPA + IA, Realidade Virtual para treinamentos, Realidade Aumentada para dicas e produtos, Integração em setores através de Tour Virtual VR, Business Intelligence e Analytics – Data Driven, Biometria Facial para ponto e indicação de produtos.
Na integração entre Real, Físico, Digital e Virtual – Metaverso estão Plataformas Omnichannel, Metacommerce (B2B, B2C, C2C) – produto físico ou digital, Dispositivos independentes de AR/VR, NFTs e Blockchain, Reuniões e plataformas de colaboração. Entre as experiências disponíveis, sugeriu usar tecnologia para que a loja esteja disponível por avatares, a possibilidade de replicar os indivíduos por meio de reconhecimento facial, além de vender no físico e no virtual.
Pedro explicou que o termo Metaverso foi cunhado em 1992 pelo autor Neal Stephenson em seu livro intitulado Nevasca (Snow Crash) em que descreve um universo gerado por computadores: “Podemos destacar que esse conceito busca replicar a realidade através de dispositivos digitais e em algumas situações desdobrados no virtual”, disse. Acrescentou que o grande desafio de hoje é gerar negócios nesse cyberespaço coletivo, compartilhado, composto de realidade virtual, aumentada, I.A., blockchain, NFTs, internet, áudio, avatares e comunidades.
Sobre Realidade Virtual, Aumentada e Mista, Bocchese lembrou que, embora tenham nomes parecidos, são coisas diferentes. Na realidade virtual, as coisas acontecem dentro de um ambiente virtual e não em um ambiente físico em que são inseridos elementos. Já a Realidade Aumentada é o que identificamos como “o real aumentado pelo digital”, sendo adicionados elementos em 3D dentro do ambiente real. Na realidade mista ou realidade híbrida é a tecnologia que une características da realidade virtual com a realidade aumentada: “Vale destacar as aplicações nas compras digitais, no ambiente de trabalho, de ensino, entretenimento, entre outros, fomentando um comércio digital através de moedas e bens digitais”, pontuou lembrando também sobre a relação com games. Bocchese lembra que a materialização dessas possibilidades exige a infraestrutura e a utilização de dispositivos independentes, o que não envolve a obrigatoriedade da utilização de óculos de realidade virtual, por exemplo, já que hoje há Metaversos que dispensam a necessidade do dispositivo.
Para finalizar, ele trouxe reflexões sobre a importância de manter a essência humana ao buscar a inteligência emocional, o equilíbrio; a importância da compreensão de que os processos repetitivos serão substituídos por robôs; novas profissões que vão existir somente no Metaverso e não mais no mundo real. Acrescentou a importância da análise de dados, do uso da tecnologia como meio e não fim, do aprendizado constante, e os novos desafios que virão.

“Experienciando” a tecnologia
Durante o 4º Simpósio Estadual do Varejo, ele trouxe três exemplos de Metaverso para a feira de Conexões e para as palestras: o primeiro em que os palestrantes foram convertidos em avatares inspirados em fotos e imagens deles; a experiência oferecida pela vinícola Don Affonso, que permitiu entrar em uma sala para beber vinho utilizando óculos de realidade virtual e a apresentação da DeCacau em que foi utilizada tecnologia de realidade aumentada por meio da leitura de um QR-Code do próprio dispositivo do participante.
O 4º Simpósio Estadual do Varejo é a realização do Sindilojas Caxias e conta com o apoio institucional do Sistema Fecomércio SESC SENAC e do Sebrae RS, Grupo RBS como media partner, Patrocínio Ouro do Fátima Humana Saúde Sul, Sicoob Meridional, Patrocínio Prata da CDL PoA, Shopping Villagio Caxias, TOTVs e Supermercados Andreazza, Patrocínio Bronze da Amigraf Gráfica e Editora, DeCacau Store, Dulce Amore Urban Coffee e Vinícola Don Affonso.


Galeria

Sindicato do Comércio Varejista de Caxias do Sul

Intervene